Como aproveitar as informações do Search Console Insights

Como aproveitar as informações do Search Console Insights

O Search Console Insights é um serviço próprio do Google, que está em fase BETA e pode te ajudar a entender como o seu conteúdo está performando. E quais são os caminhos mais inteligentes a serem seguidos.

O maior benefício do Search Console Insights é que a ferramenta é atualizada em um intervalo de tempo maior do que o Search Console (que às vezes leva mais de 12 horas para atualizar), o que nos impossibilita de tomar decisões mais rápidas e inteligentes.

Com o Search Console Insights, você consegue analisar seu site quase que em tempo real e entender quais conteúdos estão sendo melhor aceitos pelo público.

Vamos avaliar quais são as formas de aproveitar as informações disponibilizadas pelo Search Console Insights.

Como acessar o Search Console Insights

Para acessar o Search Console Insights, você deve acessar sua conta do Search Console, escolher a propriedade que deseja consultar e clicar na opção “Search Console Insights“, como na foto abaixo:

como acessar o search console insights

Como usar o Serach Console Insights a favor do seu blog

Ao abrir a ferramenta, você vai ter uma visão geral do site nos últimos 28 dias (incluindo o dia mais recente, essa é uma grande diferença para o Search Console padrão, que está sempre configurado para filtrar os resultados no período de 3 meses).

Logo no começo você tem uma visão geral de quantas visualizações conquistou nesse período e qual a duração média da visualização de página.

E aí vem uma das partes que considero mais interessante, a avaliação do conteúdo detalhado em seções muito específicas, que são:

1. Novo conteúdo

Como aproveitar as informações do Search Console Insights

Na aba do novo conteúdo, você vai acompanhar como seus posts mais recentes estão se saindo. A quantidade de conteúdo que vai aparecer nessa aba vai ser afetada pela quantidade de publicações que você faz.

E essa aba reúne algumas informações importantes como:

  • quantas visualizações a página obteve;
  • qual a duração média da visualização;
  • se o conteúdo tem uma alta duração média;

Clicando no conteúdo, você ainda consegue conferir qual a fonte do tráfego e em quais palavras-chaves ele está rankeando, além de quantos cliques recebeu em cada palavra-chave.

Ele também diz se há tráfego social e se links de referência para o conteúdo em questão.

2. Conteúdo em alta

Os conteúdos em alta, reúnem as mesmas informações que o novo conteúdo, mas essa é uma boa forma de identificar quais artigos do seu site são mais populares.

E porque isso é relevante?

Por que você pode produzir conteúdos similares ou complementares aos que já fazem sucesso no seu blog.

Detalhe* se o seu conteúdo for em Web Story, ele provavelmente não vai mostrar os termos buscados no Google (a não ser que o web story esteja aparecendo na pesquisa orgânica). Entretanto, artigos comuns, ele mostra também as principais consultas de pesquisa.

3. Como as pessoas encontram você

Como aproveitar as informações do Search Console Insights

Saber como as pessoas encontram você é muito importante para definir a estratégia de crescimento correta.

Por exemplo, se 77% do meu tráfego principal está vindo através da pesquisa orgânica do Google, não faz sentido eu passar mais tempo nas rede sociais, tentando emplacar um viral ao invés de produzindo conteúdos novos (que vão continuar alavancando meu tráfego na pesquisa orgânica).

O ideal nesses casos é fortalecer onde está crescendo e ir expandindo aos poucos. Automatizar os processos. Nos meus sites eu uso um plugin para publicar automaticamente nas redes sociais (e isso tem sido responsável pelo tráfego social que venho recebendo).

4. Pesquisa orgânica

Nessa etapa, você vai poder analisar quais palavras-chaves estão rankeando para seu site. Em quais posições e quantas visitas elas estão gerando.

Além também da quantidade total de cliques, visualizações de páginas e duração média da visualização da página.

Você ainda pode usar dois filtros que são: consultas em alta e consultas mais pesquisadas.

A ferramenta também sinaliza se a palavra-chave está entre os cinco principais resultados (isso pode ser ótimo para identificar quais palavras-chaves construir backlinks fortes e aumentar assim a autoridade do seu site).

5. Links de referências de outros sites

Essa sessão é interessante, por que ela mostra quais sites têm links para os seus.

O que eu acho curioso nessa seção é que ele coloca o Google Notícias como link de referência também.

Você também pode filtrar por principais links de referência ou links de referências mais recentes.

6. Mídia Social

Por fim, mas não menos importante, ele mostra a quantidade de visitantes que acessaram o site através das mídias sociais.

É importante lembrar que tráfego social é fundamental para aumentar o EAT do seu, mas eles podem ser construídos aos poucos, de maneira orgânica.

Claro que, se você tiver grana para injetar em anúncios na internet, pode ser uma boa forma de disparar os acessos do seu site. No entanto, caso você não se encaixe no perfil, não se desespere. Escolha uma rede social por vez, se dedique, faça-a crescer, antes de abrir perfil em todas as outras.

E eu estou falando isso, por que além de tirar o foco do que é importante: o conteúdo do seu site. Não obter os resultados desejados através das redes sociais pode te deixar totalmente frustrado e te desestimular a continuar postando.

Agora que você já conhece o poder do Search Console Insights está na hora de colocar a mão na massa e aplicar tudo o que aprendeu até agora!

Mas antes, não esquece de me contar aqui nos comentários, quais são as suas dúvidas sobre construir uma estratégia eficiente de crescimento para seu blog.

Aproveite também para nos seguir no Google Notícias e ficar por dentro de todas as novidades do site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: